Locais que oferecem créditos da Nota Fiscal Pta

cadastro nota fiscal paulista

Se você é do Estado de São Paulo, com certeza já ouvir falar sobre esse programa do governo que muita gente utiliza e aprecia.

A Nota Fiscal Paulista (NFP) foi criada em 2007, e é um programa do Governo do Estado de São Paulo que visa combater a sonegação de impostos e aumentar a contribuição.

Você quer saber mais sobre como o programa funciona e quem pode pedir Nota Fiscal Paulista? Então continue lendo a matéria!

Quem pode pedir Nota Fiscal Paulista?

Essa com certeza é a dúvida mais frequente quando se trata do programa do Governo do Estado e São Paulo que beneficia muitas pessoas.

A resposta para essa questão é muito simples.

Qualquer pessoa que more no Estado de São Paulo, pode solicitar o CPF em sua nota fiscal e estará automaticamente participando do programa.

Abaixo listamos alguns dos estabelecimentos mais comuns que participam do programa:

Alimentação: Produtos alimentícios em geral, como restaurantes, bares, padarias.

Artigos esportivos e de lazer: produtos de lazer e esporte em geral, como bicicletas, brinquedos, discos, DVDs, instrumentos musicais.

Artigos de uso doméstico: Produtos para o lar, como móveis, camas, panelas, vassouras.

Combustíveis: Combustíveis em geral, como gasolina e botijão de gás.

Informática, comunicação e eletrônicos: Aparelhos eletrônicos em geral.

Livros e revistas: venda de livros, jornais e revistas em geral.

Loja de variedades: grandes magazines ou pequenos estabelecimentos de venda de produtos variados.

Material para construção: Materiais para construção e reforma.

Mercados: Produtos em geral, como supermercados, mercearias, açougues e peixaria.

Moda e acessórios: Vestuário em geral, como roupas, calçados, jóias e relógios.

Óticas: Material ótico, como óculos e lentes de contato.

Papelaria e escritório: Materiais em geral como canetas, lápis, papéis, cadernos, blocos e suprimentos.

Pet Shops e artigos para animais: Comércio e acessórios de animais.

Saúde e beleza: Medicamentos, materiais médicos, ortopédicos, cosméticos, perfumes.

Veículos, motos e acessórios: Venda de automóveis, motos, peças e acessórios.

Como funciona a Nota Fiscal Paulista?

Agora que você já sabe quem pode solicitar a Nota Fiscal Paulista e em quais lugares, explicaremos como ela funciona.

Através da Nota Fiscal Paulista, todos os produtos comprados que são taxados pelo  Imposto de Circulação de Mercadoria e Serviço geram créditos de volta para você.

Além disso, os créditos são cumulativos por 5 anos, e podem ser solicitados em forma de dinheiro físico ou desconto em impostos duas vezes ao ano.

Porque se cadastrar?

Mesmo que o cadastro Nota Fiscal Paulista não seja obrigatório, é através dele que você irá acompanhar a quantidade de créditos que você recebeu, solicitar a transferência do valor para o seu banco nos meses de Abril e Outubro.

Além disso, ao se cadastrar, você pode transferir os créditos para outro CPF e utilizar como desconto para impostos como o IPVA e o IPTU.

E se você ainda precisa de mais um incentivo para participar do programa, saiba que a Nota Fiscal Paulista gera bilhetes eletrônicos que são sorteados em troca de prêmios. E apenas com o cadastro você pode acompanhá-los.

Como fazer o cadastro?

Para se cadastrar é muito simples e rápido.

Acesse o site da Nota Fiscal Paulista e clique em “Novos Cadastros”.

Escolha entre pessoa física ou jurídica, e preencha os campos obrigatórios.

Rate this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *